MEC descarta ENEM de forma online a curto prazo

Vestibular para o ENEM
Exame Nacional do Ensino Médio
Porém, só deve trabalhar no projeto, na melhor das hipóteses, no ano que vem e, mesmo assim, a partir de uma versão que envolveria um público menor, como os inscritos até o 2º ano do ensino médio. Foi essa a diretriz apresentada pelo secretário-executivo do MEC, Luiz Claudio Costa, na última segunda-feira, dia 6, quando o ministro Renato Janine Ribeiro tomou posse como ministro da Educação.

A transformação do Enem em uma prova online foi uma das principais medidas anunciadas pelo ex-ministro Cid Gomes, em sua curta passagem como ministro da educação. Ele não chegou a confirmar a prova para esse ano, mas assegurou, na época, que o projeto era visto como prioritário. O objetivo é implementar um formato em que a prova pudesse ser realizada várias vezes ao longo do ano.

O principal obstáculo para o MEC realizar o Enem pela internet não é técnico. Inclusive, a Fundação Cesgranrio, que, junto com o Cespe-UnB, integra o consórcio responsável pela parte operacional do exame nacional, já vem desenvolvendo, há alguns anos, mecanismos de realização de provas e concursos online.

A maior pendência para o Enem ocorrer via internet é o banco de questões, ainda limitado, segundo o MEC. Por conta disso, no início do ano, o ex-ministro chegou a anunciar que realizaria cadastramento de professores para elaboração de itens para a prova.

Atualmente, o exame é impresso e realizado apenas uma vez por ano, em uma mesma data para todos os candidatos. Pelo Enem Online, o MEC pretende aplicar a prova várias vezes ao ano, em pontos de acesso autorizados, com data e horário pré-agendados. Os itens do exame seriam escolhidas a partir do banco de questões, que poderia até ter acesso livre para os estudantes.

Não há informações sobre o Enem 2015. A expectativa é de que, como nos últimos anos, o edital seja divulgado em maio, as inscrições ocorram em junho e a aplicação do exame seja em outubro ou no início de novembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *